Lipolaser – Tratamento flacidez do braço, da coxa e do Abdome sem cortes

Deixe sua estrela

A lipoaspiração a laser é semelhante à lipo tradicional,  lhe permite obter uma silhueta muito mais bonita e esculpida.

Atendimento Marco Cassol Lipolaser

Sua Clinica de Cirurgia plastica SP

A fibra do lipolaser é passada embaixo da pele para criar uma retração após a realização da lipoaspiração em áreas que exista flacidez. O pós operatório quando realizamos o laser é mais tranquilo, com menos desconforto e menos inchaço.

Podemos usar o lipolaser para o tratamento do braço grande ou braço flácido, desde que a pele não tenha estrias em excesso. Estrias são o rompimento das fibras elásticas da pele e dificultam a retração após a lipolaser.

Lipolaser é procedimento simples e seguro!

 

Lipolaser é uma ótima opção para tratar flacidez da barriga supra umbilical (acima do umbigo) em pacientes que não querem fazer abdominoplastia. Quando a musculatura do abdome não tem abaulamento (flacidez) e o paciente não tem pele sobrando abaixo do umbigo o lipolaser é uma ótima alternativa para tratar a barriga somente com lipoaspiração e sem cortes.

Lipolaser pode ser usada para tratar flacidez das coxas com ótimos resultados.

Pacientes com estrias, excesso de pele flácida e com pouca elasticidade são candidatos que podem ter resultado reduzido.

Atendimento Marco Cassol Lipolaser

Sua Clínica de Cirurgia Plástica SP

Lipoescultura promete contorno mais harmônico ao corpo

Deixe sua estrela

 

Marco Cassol, cirurgião plástico especialista em face, ressalta que é importante que a pessoa saiba que a lipoaspiração em geral não é cirurgia para emagrecer. “O paciente deve estar no peso ideal para realizar a retirada de gordura localizada”, diz.

Ainda de acordo com Cassol, o resultado da lipoescultura aparece, em média, depois de quatro meses.

“Nos locais onde retiramos muita gordura nunca mais acontece acúmulo de gordura. Mesmo assim, o paciente deve manter uma dieta hiperproteica para ajudar a manter o resultado da cirurgia”, ressalta Cassol.

Perguntas e respostas sobre a lipoescultura

Confira os esclarecimentos para as principais dúvidas sobre lipoescultura:

1. Qual a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura?

Lipoescultura é a lipoaspiração com enxerto de gordura em algum local do corpo. Ou seja, retira-se a gordura de um lugar e se coloca em outro. A lipoaspiração refere-se somente à retirada de gordura por cânulas que fazem a sucção”, explica Cassol.

2. Para quem é indicada a lipoescultura?

“Ela é indicada, basicamente, para os pacientes que precisam preencher algum lugar do corpo ou do rosto com gordura”, diz Cassol.

Vale reforçar que a lipoaspiração e a lipoescultura não são cirurgias indicadas para quem deseja emagrecer. A pessoa deve estar no peso ideal para retirar a gordura localizada de determinadas partes do corpo.

3. A lipoescultura é dolorida? E o pós-operatório?

A recuperação é semelhante à recuperação da lipoaspiração, de acordo com Cassol. “O desconforto é proporcional à retirada de gordura. Quanto mais aspiramos, maior é o desconforto”, diz.

Vale ressaltar que a ideia de dor e de desconforto é muito relativa. Algumas pessoas podem sentir mais; outras, menos.

4. Pode-se associar outra cirurgia (como colocação de silicone) à lipoescultura?

Normalmente não se associa outra cirurgia com a lipoescultura, de acordo com Cassol.

Marcelo Moreira explica que a colocação de silicone, por exemplo, na mesma cirurgia, até é possível. “Mas só é definido após a realização de exames clínicos, e a liberação do clínico”, destaca.

5. Preciso fazer drenagem após a lipoescultura?

“Drenagem linfática é sempre indicada no pós-operatório, pois ajuda a desinchar e a modelar a gordura”, destaca Cassol.

6. O que é a minilipo?

“Minilipo é exatamente a mesma coisa que a lipoaspiração, só que realizada no consultório (sem os cuidados de um hospital) e com anestesia local (paciente acordado e sentindo toda a manipulação)”, diz Cassol.

Ela é considerada uma lipoaspiração pequena, realizada por partes, com volume menor lipoaspirado.

7. Posso fazer a lipoescultura antes de engravidar?

Deve, de acordo com Cassol. “Pacientes que começam a gestação na melhor condição física conseguem manter o melhor resultado e recuperação após a gestação”, diz.

8. Se eu engordar alguns quilos depois, vou perder o resultado da lipoescultura?

“Não perde o resultado, pois onde foi retirado muito tecido gorduroso, o tecido nunca volta a crescer como antes. Mas as outras áreas do corpo acabam sofrendo acúmulo de gordura”, destaca Cassol.

9. Qual o risco de complicações na lipoescultura?

“O mais grave e mais raro é a embolia pulmonar. Mas outros riscos menores sempre existem, como em qualquer cirurgia. Por isso os cuidados de fazer a lipoescultura em hospital preparado, com anestesista especializada e cirurgião plástico qualificado”, ressalta o cirurgião plástico Cassol.

10. Quando poderei voltar a me exercitar depois da lipoescultura?

De acordo com Cassol, em torno de dois meses após a cirurgia.

11. Quando poderei voltar a trabalhar depois da lipoescultura?

Em torno de uma semana depois da cirurgia, de acordo com Cassol.

Lipoaspiração Cirurgião Plástico

Sua Clínica de Cirurgia Plástica SP