+55 (11) 94062-7019 Atendimento@marcocassol.com.br
Escolha uma Página

Redução de Mama – Quando Operar?

Os seios naturalmente grandes e volumosos acarretam problemas na saúde e uma queda na auto estima da mulher, afetando a vida da mulher.

mulher com fita métrica medindo os seios

Durante a puberdade as mamas são firmes devido à rigidez da glândula e quantidade desta. Entretanto, com o passar do tempo a quantidade de glândula diminui, aumenta a porcentagem de gordura e a tendência à ptose mamária (queda da mama).

A gravidez é um dos fatores que mais aceleram este processo. O objetivo da mamoplastia é retirar esse excesso de gordura, pele e tecido mamário e suspender a mama novamente. Especialmente indicada para mamas excessivamente grandes ou flácidas.

As consequência do excesso mamário vão desde:

Dores nos ombros, pescoço, coluna e marcas profunda do sutiã. Interfere na rotina da vida diária, práticas de atividade física, escolha de roupas, são um incômodo para essas mulheres.

As principais causas do grande volume das mamas são a genética e estímulos hormonais. A flacidez é causada pelo envelhecimento, grande perda de peso, e amamentação.

Mamoplastia – Para quem é indicado?

A mamoplastia é indicada para reduzir o volume mamário, para corrigir a forma e a flacidez das mamas.

A cirurgia de redução de mama deve ser realizada após o desenvolvimento total das mamas, no final da puberdade.

O tempo de internação normalmente é de 12 horas. Após a cirurgia é recomendado repouso relativo de 48 horas.

  • TIPO DE ANESTESIA
    Peridural com sedação.

    TEMPO DE INTERNAÇÃO
    Geralmente 12 horas.

    COMPLICAÇÕES
    São raras, mas pode ocorrer hematoma, infecção, deiscência (abertura de pontos cirúrgicos, as suturas), quelóides (cicatrizes proeminentes que dependem de predisposição genética do paciente), falta de vascularização da pele (em fumantes).

    RESULTADO DEFINITIVO
    Nos primeiros meses a cicatriz ficará avermelhada, tornando a clarear normalmente com o tempo.

    APÓS A CIRURGIA:

  • Repouso relativo nas primeiras 48 horas;
  • Não deitar de lado nem de bruços.
  • Usar sutiã modelador adequado.
  • Pode tomar banho de ducha sem retirar as fitas adesivas.
  • As fitas adesivas podem ser mantidas por 60 dias.
  • Se sujar ou apresentar secreções, trocá-las.
  • Curativo será retirado em 1 semana.
  • Os pontos serão retirados em 2 semanas.

Depilação das axilas com cera, somente após 3 semanas.

É freqüente a diferença de volume entre as mamas no primeiro mês devido a inchaço decorrente da própria cirurgia.

Recomenda-se evitar:

  • Dirigir nas três primeiras semanas.
  • Fumar durante as primeiras duas semanas.
  • Tomar banho de imersão por duas semanas.
  • Cometer excessos, levantar pesos, erguer os braços exageradamente e abri-los excessivamente por pelo menos quatro semanas.
  • Dormir de bruços por três semanas.
  • Expor-se ao sol ou ao calor excessivo por quatro semanas.
  • Fazer exercícios ou praticar esportes, principalmente os que exijam a extensão dos braços como golfe, natação, vôlei e outros por 60 dias.

Você possui mamas grandes? Como isso afeta sua rotina diária?

 

[ratingwidget_toprated type=”posts” created_in=”all_time” direction=”ltr” max_items=”3″ min_votes=”1″ order=”DESC” order_by=”avgrate”]

Prótese de Silicone – Cirurgia da Mama – Aumento dos Seios – Quanto Custa?

Prótese de Silicone – Cirurgia da Mama – Aumento dos Seios – Quanto Custa?

 

Prótese de Silicone – descubra quais os tipos, e as maiores dúvidas para mulheres que querem colocar uma prótese de mama, com segurança e qualidade.  A cirurgia de prótese de silicone é um recurso para aumentar a mama, corrigir ou devolver o volume dos seios.

Hoje em dia, depois de anos de prática e o desenvolvimento da cirurgia de implante mamário, podemos afirmar com segurança que, a prótese de silicone não causa câncer e não em impede o exame clínico e radiológico das mamas.

 

próteses de silicone sendo amassadas

Próteses de Silicone liberadas pela Anvisa pode ser realizadas em cirurgias

A Qualidade das Próteses de Silicone 

A qualidade das próteses são excelentes e seguras, as próteses mais modernas possuem várias camadas de revestimento e utilizam gel de silicone coeso. Em caso de acidente mesmo que a prótese seja rompida, o conteúdo não vazará.

O material dentro delas inerte, ou seja, não é prejudicial à saúde, pois não reage com outras substâncias do organismo, uma vez que a prótese não interfere fisiologia da mama, a amamentação se mantém normal na maioria dos casos.

Geralmente o desejo das mulheres em uma cirurgia plastica de mama, é por um volume maior, porém devem ser respeitadas as características físicas de cada uma, como idade, altura e dimensão do tórax, o tamanho ideal é o que da harmonia. 

 

Converse com seu  cirurgião plástico especializado sobre sua cirurgia de prótese de silicone

atendimento prótese de mama

 Clínica de Prótese de Silicone SP

 

 

A incisão das Prótese de Silicone 

As mamas estão localizadas em cima dos músculos peitorais da mulher, elas são divididas em dois componentes: o estrutural e o epitelial O componente estrutural envolve tecido gorduroso e os ligamentos, já o componente epitelial,  é o sistema que produz  leite, é formado pelas glândulas mamárias e ductos.

Essa estrutura tão importante no corpo feminino pode sofrer mudanças com a idade, como variação hormonal, gestação, ganho e perda de peso, acidentes e doenças.  A prótese de silicone é encaixada abaixo dessa estrutura.

 

imagens da Grândula mamária

Subglandular vs submuscular

 

Subglandular vs submuscular

As próteses de silicone podem ser colocadas via submuscular, ou seja, abaixo do músculo peitoral, ou via subglandular, entre o músculo e a glândula mamária. O plano a ser escolhido, leva em conta as características individuais de cada paciente. Em relação a cicatriz cirúrgica ela pode ficar junto ao suco da mama, na aréola ou na axila.

 

Corte Silicone via axila

O implante de silicone mais utilizado é a incisão inframamária, cuja a incisão é feito abaixo das mamas.

Cicatriz infra - mamaria de prótese de silicone

O Implante de Silicone com a incisão via aréola, é indicado para pacientes com aréolas maiores. A incisão é feita no contorno da metade inferior da aréola, a incisão é feita na fila e assim a cicatriz fica escondida.

Cicatriz areolar de cirurgia de pro tese de silicone

Silicone Pelo Umbigo?

Uma das técnicas que temos para posicionar a prótese de silicone no lugar correto é a técnica umbilical

Apesar de ser uma técnica que gera dúvidas e curiosidade nas pacientes, ela não é usada no Brasil por não apresentar vantagens aparentes para a paciente. Nesse método, um endoscópio conduz as próteses vazias e, uma vez posicionadas nas mamas, elas são preenchidas com solução salina e essas muitas vezes não adquirem a mesma consistência da prótese preenchida com gel de silicone.

A vantagem de colocar o silicone pelo umbigo, é que dessa forma de operação é que ela pode ser feita em conjunto com outras cirurgias plásticas, como a abdominoplastia, por exemplo, e o fato de não deixar cicatrizes visíveis nas mamas.

 

Tipos de Próteses de Silicone: 

Os formatos e tamanhos disponíveis das próteses de silicone são várias e dependendo do resultado desejado pela paciente: discreto, natural ou mais atraente, o cirurgião plástico irá avaliar qual desses formatos e tamanhos ficará melhor com o seu corpo.  Os tipos de próteses atuais,  permitem aumentar, reduzir, levantar e dando nova forma aos seios. 

 

cirurgião indicando tipo de prótese de silicone

Converse com o seu cirurgião sobre qual tipo de prótese escolher

Os Tipos de Próteses são:

  • Prótese cônica,
  • Prótese redonda,
  • Prótese anatômica,
  • Prótese anatômica com polo superior distendido,
  • Prótese oval.

 

As superfícies da Próteses podem ser:

  • Prótese Lisa,
  • Prótese Texturizada,
  • Prótese Poliuretano.

 

Dr. Marco Casso, cirurgião plástico com mais de 15 anos em cirurgia de mama, explica melhor sobre os modelos e texturas das prótese. Entende melhor qual delas possuí mais vantagens para um implante de mama.

…………………………………………………….

Contato do Dr. Marco Cassol, Cirurgião de prótese de mama

Tamanho Ideal de Prótese de Silicone 

 

Para obter o tamanho ideal de prótese de silicone, será preciso levar em consideração 3 fatores para a escolha do tamanho da sua prótese de mama. Em primeiro lugar é preciso considerar o formato dos seios e a posição dos mamilos da paciente.

O tamanho ideal para uma prótese, será aquele que ficará bonito e não prejudicando a saúde da paciente,  também deve ser levado em consideração a anatomia da pessoa e precisa ser decido em uma conversa entre o cirurgião e a paciente.

Exemplo: Nem sempre a prótese de 400ml que ficou boa em uma amiga de 1,70m, talvez fique um pouco exagerada em você caso tenha 1,55m de altura. É importante ter em mente que a prótese adequada é aquela proporciona um visual harmonioso entre:

  • Os seios,
  • O tórax,
  • Flacidez da Pele,
  • E a altura corporal.

 

adolescente com prótese de silicone

 

Qual é a idade mínima para colocar Silicone?

 

Sabia que cada vez mais adolescentes têm procurado pela cirurgia plástica para aumentar os seios? É verdade!

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica preconiza que a cirurgia de prótese de silicone seja realizada apenas após a maturidade hormonal e a estabilização da formação estrutural do corpo. Isso tem a ver com a primeira menstruação e, por isso, varia bastante de mulher para mulher – algumas atingem essa estabilidade por volta dos 14, outras dos 18!

Por isso, se a adolescente tem o sonho de ter seios maiores e os pais autorizam, vale a pena conversar com o cirurgião plástico para ele avaliar se este já é o melhor momento para a realização da cirurgia ou se ela deve aguardar mais um pouco.

 

O principal é realizar o sonho sem negligenciar a saúde, não é mesmo?

Quem NÃO pode colocar Prótese de Silicone?

 

Para que a sua cirurgia de prótese de silicone nos seios tenha sucesso é preciso respeitar algumas restrições para que tudo saia de acordo. Em alguns casos é necessário aguardar um pouco para estar em condições favoráveis à uma cirurgia plástica dos seios. Então veja na lista abaixo que não pode colocar prótese de silicone:

  • Mulheres Grávidas;
  • Mulheres que estão amamentando;
  • Mulheres com doenças hematológicas ou imunodepressoras;
  • Mulheres que possuí algum tipo de câncer
  • Mulheres que sofrem de doenças cardiovasculares;
  • Adolescentes menores de 16 anos.

 

Mulher amamentando bebe

 

Quem tem silicone pode amamentar?

 

Muitas mulheres possuem a dúvida se conseguirão amamentar após a cirurgia de prótese de silicone, nesse caso a amamentação é um assunto que costuma gerar ansiedade.

O caminho para a decisão de colocar silicone também é cheio de questionamentos, muitas mulheres querem fazer a cirurgia plástica, mas ficam em dúvida se poderão ou não amamentar. Segundo o cirurgião plástico, Dr. Marco Cassol, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a colocação de prótese de silicone não atrapalha a amamentação porque não altera a glândula responsável pela produção do leite. 

Leia mais sobre >>

Próteses de Silicone e Amamentação

 

prótese de silicone e formato

 

Prótese de Silicone –  Tem prazo de validade?

 

Quando realizamos a mamoplastia de aumento com prótese de silicone, sempre alertamos as pacientes de que as próteses não duram para sempre.

Embora tenham maior durabilidade do que no passado, a partir dos 10 anos da cirurgia é preciso fazer o acompanhamento para avaliação e possível substituição da prótese. Dentro do organismo, elas sofrem com o atrito e, por isso, demandam atenção.  Se houver ruptura da prótese ou encapsulamento, a troca deve ser realizada o quanto antes.

 

seios com silicone

 

A escolha do cirurgião plástico é muito importante para o bom resultado do procedimento estético ao qual você vai se submeter.

Uma prova disso é que a imperícia na hora de escolher e posicionar as próteses de silicone podem causar a famosa simastia, que é um descolamento da pele entre os seios, que mantém as mamas “coladas” uma à outra.

A simastia pode ocorrer por exagero no tamanho da prótese em relação ao biótipo da paciente, complicações pós-cirúrgicas (inchaço persistente, por exemplo), origem natural (mamas muito grandes), entre outras causas.

A correção do problema é feita com cirurgia plástica na qual o médico vai avaliar se deve trocar o implante, retirar pedaço da prótese no seio ou costurar a cápsula internamente para redesenhar a mama.

 

Encapsulamento de Prótese de Silicone

 

O encapsulamento de prótese de silicone ou endurecimento da mama é uma preocupação comum para quem já fez uma cirurgia de prótese de silicone. Ou para mulheres que ainda pensam em realizar um implante de silicone.

A rejeição de prótese de silicone é uma dessas complicações que podem acontecer em uma cirurgia da mama,  pois existem reações do organismo que nem os médicos e muito menos a paciente podem controlar. 

Leia Mais Sobre >> 

Rejeição da Prótese de Silicone – Endurecimento Das Mamas

 

Prótese de Silicone x Câncer  

“Não há trabalho científico relevante que associe o câncer de mama com as próteses de silicone”, afirma cirurgião plástico
De acordo com Marco Cassol, a complicação mais frequente chamada de retração capsular pode acontecer em até 1% das pacientes até 15 anos após a cirurgia.

Segundo o cirurgião plástico Dr. Marco Cassol, não existe nenhum trabalho científico bem realizado que mostre a associação entre o câncer de mama e a colocação de próteses de silicone.

O risco real de um implante de silicone, em curto e longo prazos, é a diminuição da sensibilidade, que pode mudar dependendo da técnica a ser utilizada. Na visão dele, é raro, mas existe. No caso da amamentação ela fica preservada.

No caso da retração capsular (complicação mais frequente em que as mamas ficam duras após a cirurgia cicatrizada), “essa situação pode acontecer em até 1% dos pacientes até 15 anos depois da cirurgia” explica o cirurgião.  Um estudo realizado em Connecticut, nos Estados Unidos, demonstrou que, em um período em torno de cinco anos, os implantes de silicone não se mostraram carcinogênicos.

Outra pesquisa realizada pela instituição estadunidense National Cancer Institute’s Surveillance, Epidemiology, and End Results Program (SEER), apontou que não há evidências do aumento no risco de sarcoma de mamas em mulheres usuárias de implantes mamários.

“É importante orientar as pacientes de que o grande risco é o câncer de mama em si. A realização do autoexame e da mamografia ou ultrassom mamário é crucial. É muito importante prevenir o câncer de mama.” finaliza Dr. Cassol.

Cirurgia de Redução de Mamilos

Segundo especialistas ouvidos pela “Cosmopolitan” norte-americana, um procedimento já desponta como um dos mais pedidos nos consultórios em 2017…  >>

Leia Mais Sobre >> 

Cirurgia de Redução de Mamilos – Saiba Mais…

Aumento da Mama sem Prótese de Silicone

 

Imagens Antes e Depois da Mastopexia

 

Mastopexia – A Cirurgia Sem Prótese 

A cirurgia de mastopexia, comumente conhecida como aumento da mama sem prótese de silicone, é uma operação para remover a pele extra dos seios e para erguê-los e remodelá-los, para torná-los mais jovens, geralmente os seios caem com a idade e é muito comum a realização desta cirurgia para seios caídos .

A Lipofilling das Mamas ou Lipofilling dos Seios, ou seja: é a cirurgia de  aumento dos seios sem prótese de silicone ou aumento dos seios com gordura. A cirurgia é indicada para correção de próteses de mama que estão muito superficiais (aparência artificial), ou para pequenos aumentos da mama 

Leia Mais Sobre >> 

Aumento da Mama – Sem Prótese de Silicone

 

Cirurgia de Prótese de Silicone – Recomendações Pré-Operatório

 

Antes da qualquer cirurgia de mama, ao marcar sua primeira consulta com o cirurgião, será feita uma avaliação física completa, e são solicitados exames laboratoriais para realizar a cirurgia da prótese de mama . 

Será necessário que você esteja em boas condições de saúde para realizar a cirurgia de prótese mamária, informando ao cirurgião plástico os remédios que você usa normalmente, pois alguns  devem suspensos. como é o caso dos anti coagulantes.

Avise ao médico em caso de gripe ou indisposição antes da cirurgia plástica, também é preciso interromper o consumo de bebidas alcoólicas e o fumo. É recomendando um jejum de 8 horas antes do processo, é preciso fazer jejum absoluto de alimentos sólidos e de líquidos.

No dia da cirurgia plástica, a paciente deverá levar um sutiã modelador compatível com novo formato da mama.

Outras recomendações específicas serão dadas pelo seu médico. A duração da cirurgia, e o tempo de internação, depende do tipo de anestesia bem como a técnica utilizada.

 

Cirurgia de Prótese de Silicone –  Recomendações do Pós-operatório

 

Logo após a cirurgia, já se nota um aumento de seios porém eles ainda estão inchados podendo haver um pouco dor e a sensação de desconforto, o cirurgião plástico poderá receitas alguns analgésicos comuns.

  • É muito importante tomar as medicações prescritas pelo seu médico nos horários indicados.
  • Geralmente ocorre inchaço e manchas roxas que desaparecem em alguns dias.
  • É muito importante o uso de sutiã cirúrgico pois eles mamas durante o processo de cicatrização.
  • A paciente também deverá evitar de levantar os braços e dormir sobre os seios.
  • Outras recomendações específicas para cirurgias de próteses de mama; tais como exposição solar e prática de atividades esportivas, serão dadas pelo seu médico o retorno às atividades e o trabalho se dá em alguns dias.

 

Cirurgia de Prótese e a autoestima da mulher

 

A cirurgia de implante mamário tem alto grau de satisfação e um dos procedimentos mais solicitado mulheres a paciência e os cuidados são fundamentais no pós-operatório realmente acompanhada de dor e edema cirurgia é um dos caminhos para conquistar mais autoconfiança e melhorar sua qualidade de vida.

Você deve buscar o melhor resultado dentro da sua realidade, sem expectativa de ficar parecido com alguém famoso ou com quem você admira, cada pessoa responde a cirurgia de uma maneira diferente. A forma que os resultados nem sempre são iguais, esclareça todas suas dúvidas com seu médico e tenha uma boa cirurgia.

 

cirurgia em hospitais

 

Cirurgia Prótese de Silicone – Desconfie do Preço Barato!

 

Entenda ainda que existe a diferença entre procedimento estético e cirurgia plástica, pois há tratamentos, como preenchimentos faciais ou corporais, que podem ser realizados em clínicas com licenciadas pelos órgãos de saúde responsáveis. Se houver sedação ou se for preciso usar o bisturi, como a própria cirurgia de prótese de silicone, não tem jeito: tem que ser no hospital! 

 

Qualquer procedimento cirúrgico requer um ambiente hospitalar bem estruturado e com UTI para poder ser realizado com segurança. Sua vida é preciosa e única!

 

Quanto Custa Colocar Prótese de Silicone?

 

Antes de lhe citar a um valor exato de preço da prótese de silicone. é preciso entender que os valores podem variar bastante dependendo de vários fatores que somente o cirurgião plástico poderá lhe passar no momento da sua avaliação.

Em primeiro lugar é preciso entender, que quando o assunto é sua saúde, não se deve pensar primeiro em economizar, e sim no resultado final.

O melhor conselho a ser dado é; Se você não possuí o valor mencionado pelo especialista na hora da sua avaliação, entenda que o melhor a fazer é esperar um pouco mais até que suas economias cubram os custos da sua cirurgia de prótese mamária, que deverá ser realizada por um especialista em um hospital com todo o suporte sem por a sua vida em risco.

O valor da prótese de silicone não resume o quanto custa colocar silicone, Pois em média, uma prótese hoje custa entre podem custar de R$ 2 mil e R$ 2,8 mil. Porém é preciso juntar esse valor com os gastos médicos, o custo com a equipe e com a internação no hospital onde será realizado a cirurgia.

  • Agende uma consulta com Dr. Marco Cassol para avaliar suas condições de saúde, indicando o modelo e tamanho mais adequado para sua prótese.

 

cirurgia de protese de silicone na mama

Dr. Marco Cassol no Centro Cirúrgico

Clínica para Cirurgia de Prótese de Silicone

 

É fundamental que a clínica para realizar a sua avaliação de cirurgia de prótese de silicone, seja registrada na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e tenha toda a estrutura hospitalar para a realização da mesma.

Porém, no caso das cirurgias de prótese de silicone devem ser realizadas em hospitais de convênio com o Cirurgião Plástico, oferecendo toda segurança para a paciente.  

Clinica de Cirurgia Plástica em São Paulo

Escolha um Cirurgião Plástico especializado para Cirurgia de Prótese de Silicone

 

Como você já leu acima, o procedimento  de implante de mama deve ser realizado num serviço com estrutura hospitalar para atendimento de emergências, com suporte de UTI 24h, equipamentos e profissionais especializados, por tanto não corra risco de saúde realizando cirurgias em locais desapropriados para tais procedimento

 

Marco Cassol Cirurgião Prótese de Silicone em São Paulo

Dr. Marco Cassol, CRM-SP 122955

Agende uma avaliação grátis para sua Cirurgia de Prótese de Silicone com o Dr. Marco Cassol e saiba mais sobre esses cuidados oferecidos pelo cirurgião plástico com mais de 15 anos de experiência.

atendimento prótese de mama

  Clínica de Cirurgia Plástica Para Prótese de Silicone em SP

 

Dúvidas Sobre Mamoplastia

Dúvidas Sobre Mamoplastia

 

O procedimento é comum e procurado por muitas mulheres, mas será que você sabe tudo sobre mamoplastia?

 

Aproximadamente 100 mil mulheres por ano recorrem à mamoplastia para aumentar, diminuir ou alterar a forma das mamas. O número é grande, mas nem sempre as mulheres chegam no consultório médico dominando o assunto – e nem deveriam!

Conversar com o médico e tirar todas as suas dúvidas é um passo importante para que você conheça o profissional. Mas se você está considerando a cirurgia na região dos seios mas ainda não deu o primeiro passo, a MÁXIMA pode te ajudar: batemos um papo com o cirurgião plástico Marco Cassol, que nos tirou algumas dúvidas frequentes:

Máxima: Quanto tempo dura a cirurgia de mamoplastia?

Marco Cassol: Dura em média 3 horas.

Máxima: Quem pretende amamentar, pode se submeter à cirurgia de mamoplastia?

Marco Cassol: Não há restrições para amamentação depois da mamoplastia, desde que não seja realizada a técnica de enxerto de aréola.

Máxima: Existe alguma restrição de idade para fazer a cirurgia de mamoplastia?

Marco Cassol: Sim. As mulheres devem aguardar, ao menos, 4 anos após a primeira menstruação. Depois deste período o procedimento está liberado.

Máxima: Caso as cicatrizes fiquem grosseiras, existe algum tratamento? Qual?

Marco Cassol: Sim, existem diversos tratamentos para cicatrizes hipertróficas e alargadas. Temos: Laser CO2, Dermaroller, Placas de Silicone, Carboxiterapia e Betaterapia.

Máxima: Quais são os cuidados do pós- operatório da mamoplastia?

Marco Cassol: A recomendação é que a paciente fique uma semana em repouso, 3 semanas sem dirigir, 4 semanas sem fazer exercícios físicos, e 2 meses longe da academia. Depois deste período de 2 meses, não há mais restrições. Porém, o médico deve ser consultado antes dela retornar as atividades de costume.

 

Fonte: Máxima da UOL

Próteses de Silicone e Lipoaspiração Vira Febre Entre As Mulheres

Seios fartos ou pequenos, com maior flacidez ou não, não importa.

Graças à cirurgia plástica moderna, é possível melhorar e dar nova forma às mamas, a fim de conquistar a harmonia corporal, se sentir mais bela e elevar a auto-estima.

As próteses tornam os seios mais atraentes.

E a melhor parte da história é que elas são totalmente seguras e versáteis. As modernas técnicas de cirurgia plástica possibilitam aumentar, reduzir, levantar e dar nova forma às mamas.

A realização da cirurgia de mamas, também conhecida como Mastoplastia é um procedimento para correção dos seios.

Não abrange apenas aspectos estéticos, mas também de saúde, como dores nas costas, desconforto, problemas nos sistemas circulatório e respiratório, entre outros.

Os procedimentos da cirurgia plástica das mamas são a mastoplastia de aumento, de redução e de levantamento (mastopexia).

Aumento da Mama

É indicada às pessoas que têm insuficiência de volume mamário, e pode ocorrer naturalmente ou após a amamentação. O implante utilizado para esse fim é prótese mamária de silicone, pode ser lisa ou texturizada.

O Cirurgião Plástico Marco Cassol esclarece que existem dois espaços para alojar o implante: sub-glandular e sub-muscular. O primeiro é o espaço mais comum e mais fisiológico.

O segundo é reservado para casos em que o tecido mamário é muito escasso ou quando é necessário retirá-lo por estar doente ou ainda em pacientes que tenham grande perda ponderal e muita flacidez.

“A via de acesso é por onde o cirurgião realiza as manobras cirúrgicas para confecção de um espaço de forma semelhante a da prótese, de tal modo que a mesma fique alojada adequadamente. Ela pode ser areolar, no sulco sub-mamário ou axilar.

A escolha é feita por ocasião da consulta. De suma importância é avaliar o tamanho da prótese a ser introduzida”, explica o especialista.

A anestesia pode ser local ou geral; a duração da cirurgia é de 2 horas e a paciente pode sair do hospital no mesmo dia, se estiver em condições.

É aconselhável o uso de sutiã modelador por 2 meses. Cuidados pós-operatórios são essenciais na estabilidade do resultado. Após sete dias, a paciente pode voltar às suas atividades normais de trabalho.

Redução da Mama

Sua principal indicação é para aliviar o desconforto físico e estético. As incisões são feitas nos lugares menos visíveis e a técnica operatória depende da forma e tipo das mamas, como a de T invertido, cicatriz em L e Periareolar, as mais comuns.

Geralmente, a cirurgia é realizada sob anestesia peridural, no entanto pode-se utilizar sedação e anestesia local.

O preparo operatório consiste em uma avaliação física do local para definir o tipo de técnica a ser utilizada e também das condições gerais da paciente.

O tempo cirúrgico é de aproximadamente 2 horas e a paciente pode ter alta hospitalar no mesmo dia ou pernoitar.

O período de recuperação é de 2 a 3 meses, mas a paciente pode voltar a sua atividade profissional após 15 dias. As mamas operadas respondem normalmente a lactação.

É uma operação de meio e não de fim, cuja durabilidade do resultado depende das condições gerais de cada pessoa.

“É uma cirurgia de risco comparável a qualquer outra realizada em pacientes em condições normais de saúde”, alerta o cirurgião.

Levantamento Das Mamas

Após a puberdade os seios são rígidos devido a maior quantidade de glândulas do que de gordura.

Com o tempo, o tecido glandular diminui e a gordura aumenta, resultando em ptose mamária, isto é, a queda da mama.

Outro fator importante na aceleração desse processo é a gravidez. O estimulo hormonal é que irá determinar o quanto a mama vai aumentar durante a lactação.

As mamas que tiverem um estímulo hormonal importante irão aumentar muito e terão maior chance de ptose após a amamentação.

O procedimento de levantamento das mamas, mastoplastia de elevação ou mastopexia, consiste em retirar o excesso de pele e tecido mamário existente, suspendendo o seio.

Segundo Dr. Cassol “as incisões são feitas ao longo das pregas naturais da mama e na aréola, além da incisão em torno da aréola marcando a nova posição do mamilo.

A pele da parte inferior da mama é removida e a aréola, o mamilo e o tecido mamário são deslocados para a posição superior”. Dependendo da extensão do procedimento, a cirurgia de elevação das mamas dura em média três horas.

Alguns cuidados são fundamentais para se chegar a bons resultados. Eles começam com a escolha de uma clínica de estética bem conceituada no ramo de cirurgia plástica e a escolha do cirurgião, além de cuidados já no pré-operatório e, principalmente, após a cirurgia, para se alcançar o resultado esperado.

Mas, não é só as mamas que andam mexendo com a vaidade feminina, a lipoaspiração também. Conseguir perder as gordurinhas não é tão fácil, requer tempo, força de vontade e disciplinas física e alimentar.

Não adianta malhar um dia inteiro e só voltar na academia duas semanas depois, ou quando tiver um tempinho.

Para perder as gorduras localizadas e ganhar nova forma, o corpo precisa ser estimulado freqüentemente, seja por meio de caminhada, ginástica ou tratamento estético.

A lipoaspiração não é um substituto das dietas, mas promove a remoção das gorduras que não respondem aos tratamentos de emagrecimento ou aos exercícios físicos. É o método mais rápido e efetivo de retirar as gorduras localizadas.

Com ela é possível esculpir o corpo, realizando a lipoescultura, que consiste em retirar a gordura de algumas áreas (abdome, costas, flancos, culotes e coxas), colocando em outras (nádegas, retrações naturais, depressões de celulite).

“A melhor indicação da lipoaspiração é o paciente que apresenta gordura localizada e que está dentro da sua faixa normal ou um pouco acima do seu peso.

Pessoas com sobrepeso também podem realizar o procedimento, mas a lipoaspiração não está indicada para o tratamento da obesidade”, afirma Dr. Cassol.[:]

×
Olá!
Gostaria de tirar alguma dúvida com o Dr. Marco??
EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish