Abdominoplastia

SOBRE A ABDOMINOPLASTIA

Muita gente sonha em ter uma barriga chapada e procura a cirurgia plástica para alcançar esse objetivo. Por isso, hoje vou explicar um pouco sobre como é a abdominoplastia!.

dermolipectomia abdominal remodela o abdome, corrige a flacidez causada pelo excesso de tecido (pele e gordura) acumulado abaixo do umbigo e também ajusta a musculatura do abdome frouxa.

A abdominoplastia não é uma cirurgia de emagrecimento, mas um remodelamento do abdome e tratamento da flacidez acima do umbigo. 

Abdominoplastia 1
Abdominoplastia 2

QUEM PODE FAZER Abdominoplastia?

Em primeiro lugar, os candidatos a uma abdominoplastia estética devem estar saudáveis e estarem em boa forma, porque em pacientes cuja musculatura abdominal seja muito fraca, a sutura muscular realizada durante a cirurgia pode ficar comprometida.

Em geral, a abdominoplastia é requisitada principalmente por mulheres que tiveram múltiplas gestações, por pessoas que experimentaram um processo de grande emagrecimento e pessoas que geneticamente possuem acúmulo de gordura na região da barriga.

Geralmente em pacientes que já tiveram filho e que acabam tendo um afastamento da musculatura devido ao aumento do útero durante a gravides.

 

 

 

 

DETALHES DA CIRURGIA

TIPO DE ANESTESIA 
Normalmente é peridural com sedação.

TEMPO DE INTERNAÇÃO 
Em torno de 12 a 24 horas, dependendo da recuperação do paciente e conforme orientação do médico.

RESULTADO DEFINITIVO 
O resultado definitivo da abdominoplastia é atingido 6 meses depois da cirurgia, período necessário para a acomodação dos tecidos e melhora da cicatriz.

Abdominoplastia 3

ABDÔMEN DE AVENTAL

O abdome em avental se forma quando a flacidez da pele abdominal se junta às gordurinhas indesejadas e faz surgiras dobras de pele na região, o que pode provocar assaduras entre outros desconfortos.

Esta situação pode causar muito desconforto e insegurança em quem passa por ela, fazendo com que muitas pessoas deixem de usar roupas mais justas e, até mesmo, biquínis ou sungas.

Para corrigir este problema, recomendamos a abdominoplastia.No procedimento, é feita a retirada do excesso de pele e de gordura, com a finalidade de restaurar a aparência do local, deixando-a mais bem esculpida e harmoniosa.

Dúvidas FREQUENTES

Reunimos algumas das  maiores dúvidas sobre esse tipo de cirurgia plástica.
Caso você tenha alguma oura dúvida, não deixe de agendar sua avaliação.

Antes de lhe citar um preço da abdominoplastia. é preciso entender que os valores podem variar bastante dependendo de vários fatores que somente o cirurgião plástico poderá lhe passar no momento da sua avaliação.

Em primeiro lugar é preciso entender, que quando o assunto é sua saúde, não se deve pensar primeiro em economizar, e sim no resultado final.

O MELHOR CONSELHO A SER DADO É:

Se você não possuí o valor mencionado pelo especialista na hora da sua avaliação, o melhor a fazer é esperar um pouco mais até que suas economias cubram os custos da sua cirurgia no abdômen, que deverá ser realizada por um especialista em um hospital com todo o suporte sem por a sua vida em risco.

Pode ocorrer certa dormência ou endurecimento da parede abdominal que desaparecerá gradativamente.

Pode ocorrer formação de seromas (acúmulo de líquidos) após a primeira semana, que deve ser tratado imediatamente para não dificultar a cicatrização.

Surgindo aparecimento de rubor (vermelhidão da pele) ou calor na pele tratada, comunicar o médico imediatamente.

Entre as possíveis complicações podem ser citadas: infecção, hematoma, falta de vascularização da pele (30 vezes mais frequente em fumantes), deiscência da ferida operatória (abertura da sutura – ponto cirúrgico).

Após a cirurgia de abdominoplastia, pode ocorrer de alguns paciente sentir algumas dores na barriga e nas costas nos 3 primeiros dias, apesar de não ser tão comum.

Durante este período é normal ter dor e desconforto, que pode ser amenizada com o uso de analgésicos e da cinta modeladora, além de ter cuidados com a postura para andar e para dormir.

Para aliviar a dor do abdômen é fundamental tomar os remédios prescritos pelo cirurgião, cumprindo as quantidades e horas indicadas.

Previamente à cirurgia, pode ser necessário:

• Fazer exames de laboratório ou avaliação médica;
• Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais;
• Parar de fumar bem antes da cirurgia;
• Evitar tomar aspirina, anti-inflamatórios e medicamentos naturais, pois podem aumentar o sangramento.

Assim como qualquer outro procedimento cirúrgico, o pós-operatório da abdominoplastia exige cuidados, principalmente no primeiro mês após o procedimento.

A recuperação total demora cerca de 2 meses. No entanto, alguns pacientes fazem abdominoplastia e lipoaspiração do abdômen ou mamoplastia ao mesmo tempo, sendo a recuperação um pouco mais demorada e dolorosa, por isso é fundamental que durante os primeiros 10 dias o paciente mantenha repouso absoluto.

Após a alta da clínica, as atividades do dia a dia podem ser retomadas aos poucos desde que não causem dor ou incômodo.

Na hora de dormir é recomendado que o paciente deite-se de lado, com as pernas encolhidas, ou de barriga para cima, com travesseiros para elevar a coluna e outro abaixo das pernas, assim como andar com o tronco curvado e não tirar a cinta até indicação médica.

Depois da cirurgia plástica ao abdômen para tirar gordura e pele acumulada é normal o paciente ficar internado na clínica cerca de 2 a 4 dias e, geralmente, após a cirurgia fica com:

Dreno, que é um recipiente para fazer drenagem do sangue e líquidos acumulados no corpo , normalmente removido antes da alta;

Cinta modeladora, para proteger a barriga e evitar o acumulo de liquido que deve permanecer 1 semana sem tirar;

Meias de compressão para evitar trombos tirar apenas para tomar banho.

Além disso, o pós operatório da abdominoplastia requer cuidados especiais com a postura, alimentação, curativo e atividade física.

AGENDE SUA AVALIAÇÃO

Envie os seus dados que estraremos em contato nos horários comerciais.