Escolha uma Página

As mamães mais do que ninguém sabem como é difícil retomar o corpo anterior à gravidez.

O afastamento dos músculos da barriga e do tecido conjuntivo, que geralmente acontece durante a gestação, é conhecido como diástase abdominal. Ela é a principal causa de flacidez e dor lombar no pós-parto, Esse afastamento é bem comum no pósparto, lesão que pode trazer consequências que vão além da estética.

Quando este músculo está muito fraco, a coluna fica sobrecarregada e há um maior risco de desenvolver hérnia de disco, por exemplo. Por isso é importante realizar um tratamento, promovendo a união e o fortalecimento das fibras abdominais.

Algumas mulheres o afastamento podem ser tão grande que podem pressionar 3 ou 4 dedos em seu abdômen e estes ‘afundam’ como se tivesse um buraco na barriga, por não ter ali a parede muscular que deveria impedir essa entrada.

Diástase Abdominal 1
diástase abdominal – afastamento dos músculos da barriga

Cirurgia de diástase abdominal

A diástase abdominal afeta todo o corpo, sendo considerada uma questão de saúde. A intervenção cirúrgica é o último recurso para sua correção, apesar de ser um procedimento simples, que consiste em costurar os músculos.

Apesar do intuito ser o fim da diástase, é possível que o médico sugira a paciente uma lipoaspiração ou abdominoplastia, para remover a gordura em excesso.

Converse com seu médico e tire suas dúvidas sobre o procedimento. Cuide da sua saúde, respeite o pós-operatório e viva melhor!

Qual médico faz o diagnóstico de diástase?

Para diagnosticar a diástase abdominal, o médico precisa realizar uma avaliação da parede abdominal. Um médico cirurgião seria o mais habilitado: cirurgião plástico ou cirurgião do aparelho digestivo ou cirurgião geral.

Um exame de ultrassom da parede abdominal ajuda a comprovar o achado do exame físico e é necessário para que a cirurgia de correção de diástese seja autorizada pela maior parte dos convênios médicos.

Compartilhe

Compartilhe este artigo com seus amigos!

1
Olá!
Você quer realizar alguma cirurgia e gostaria de tirar alguma dúvida?
Powered by