Escolha uma Página
Cirurgia Plástica Para Homens: [Aumenta Cada Vez Mais]

Cirurgia Plástica Para Homens: [Aumenta Cada Vez Mais]

 

Veja a história de Enrico, um paciente que após dietas perdeu 40 quilos, mas não estava satisfeito com seu próprio corpo pois o que sobrou da barriga ainda incomodava o publicitário.

No fim do ano passado, ele recorreu à cirurgia plástica para fazer uma abdominoplastia. Enrico não é um caso isolado, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, nos últimos cinco anos, a procura quadruplicou e passou de 72 mil procedimentos para 276 mil por ano. 

 

Olá, sou Marco Cassol, cirurgião plástico, especialista em Cirurgia Plástica Facial, e nesta entrevista cedida para TV Record detalho mais sobre a procura pelas Cirurgias Plásticas para homens

Fonte: R7

 

A fatia de homens interessados em cirurgias plásticas subiu de 5% para 30% nos últimos anos. Com o passar dos anos os homens tiveram mais liberdade para serem mais vaidosos e se preocuparem cada vez mais com a sua aparência e estética. 

 

Principais cirurgias procuradas pelos homens :

 

  • Ginecomastia: é uma doença que causa o aumento das glândulas mamárias. Apenas com cirurgia é possível melhorar o quadro 100%. 

  • Rinoplastia Masculina: ou cirurgia do nariz melhora a aparência e a proporção do nariz, realçando a harmonia facial e melhorando a autoestima. 

  • Abdominoplastia: é uma cirurgia plástica na barriga que visa remover a gordura excedente e melhorar a estética e a autoestima do paciente.

  • Prótese de panturrilha: Ao realizar o implante se aumenta o volume, a espessura e a projeção da região obtendo assim uma melhor harmonia entre coxas e pernas.

  • Blefaroplastia: é realizada nas pálpebras tanto inferiores quanto superiores dos olhos que tem o objetivo de eliminar sinais do envelhecimento, tais como flacidez e rugas, a fim de deixar o olhar mais jovial e menos cansado.

  • Mentoplastia: É a cirurgia plástica para o queixo e o contorno do rosto, conferindo o formato desejado ao queixo do paciente. 

  • Lipoaspiração: 
  • Facelift ou Lifting Facial: 
  • Toxina botulínica: 
  • Preenchimentos: 

 

Atendiemente Whatsapp da Clínica de Cirurgia Plástica em SP

6 Coisas Que Você Deve Fazer Para Suas Cicatrizes de Abdominoplastia

Toda cirurgia envolve incisões, e essas incisões se transformam em cicatrizes. Com os devidos cuidados e com essas ótimas dicas, as cicatrizes que você recebe de sua cirurgia de abdominoplastia podem ser visivelmente reduzidas, de modo que elas são quase imperceptíveis.

 

 

Um estômago mais achatado, cintura contornada, pele mais macia e melhor tônus ​​muscular – sua cirurgia de abdominoplastia fez maravilhas para o seu corpo. Você está extasiado com sua forma mais enxuta e elegante, mas está preocupado em como minimizar a aparência das cicatrizes deixadas. As cicatrizes típicas de abdominoplastia estão localizadas em uma ou mais dessas áreas:

 

Cicatriz na Área pélvica

Independentemente de ter uma mini ou abdominoplastia completa, você terá uma cicatriz que corre horizontalmente em toda a parte inferior do abdômen, do quadril ao quadril, localizada alguns centímetros abaixo do umbigo.

A cicatriz horizontal pode variar em comprimento. Pode ser de apenas alguns centímetros, o que geralmente é o caso de minitestes, ou se estende bem sobre cada quadril para os lados das costas. A cicatriz também pode ser colocada relativamente no mesmo local onde uma cesariana estava.

Cicatriz no Umbigo

A abdominoplastia completa envolve uma cicatriz em torno do umbigo. Essa cicatriz pode ser bastante perceptível no começo, mas com o tempo, você perceberá que ela praticamente desaparece, pois combina muito bem com o seu umbigo.

Cicatriz Inferior do abdome

Em casos raros, você também pode ter uma cicatriz que vai do umbigo verticalmente até a incisão horizontal.

 

O que é uma cicatriz?

Uma cicatriz é qualquer marca ou defeito que foi causado pela cicatrização da pele de uma ferida. A formação normal de cicatrizes geralmente segue estas etapas:

 

O primeiro estágio – fechamento – Sempre que sua pele é quebrada, como é o caso de incisões feitas durante sua cirurgia de abdominoplastia, seu corpo cria fibras de colágeno para preenchê-lo e fechá-lo. Isso leva cerca de três a quatro semanas.

A segunda fase – estabelecimento –  O colágeno se acumula continuamente no local da ferida, protegendo e fortalecendo a área afetada. Para apoiar sua formação, o suprimento de sangue para a área aumenta. Ambos os fatores fazem com que a nova cicatriz se torne mais escura, mais espessa e proeminente. Isso leva cerca de três a seis meses.

O estágio final – maturidade – Uma vez formado colágeno suficiente no local da ferida, parte dele se decompõe e o suprimento de sangue diminui. A cicatriz fica mais clara, mais fina, mais plana e menos palpável, além de visível. Esse processo pode levar de um a dois anos, quando são considerados totalmente maduros.

 

Você deve esperar que suas cicatrizes pareçam mais escuras, texturizadas e geralmente piores antes de melhorarem. Você pode notar que eles parecem particularmente ruins um par de meses após a cirurgia. Tente não se sentir desanimado porque eles vão melhorar!

 

Cicatrizes irregulares 

imagem de cicatriz irregular da abdominoplastia

Alguns pacientes se preocupam com cicatrizes irregulares. Cicatrizes irregulares podem ser hipertróficas ou quelóides, ambas resultantes de um excesso de colágeno. Cicatrizes hipertróficas são aquelas que são levantadas e mais vermelhas do que a pele não afetada em torno dela. Os quelóides são um tipo grave de cicatrizes hipertróficas, nas quais o tecido cicatricial se forma além do local original da ferida. 

 

Minimize suas cicatrizes com estas 6 dicas

Uma vez que você tenha uma cicatriz, ela é praticamente sua para a vida toda. A pele com cicatrizes será sempre diferente da pele não queimada, na medida em que ficará mais pálida e terá uma textura mais suave. Também pode parecer esticado.

Há coisas que você pode fazer para deixar suas cicatrizes menos visíveis. Mas lembre-se, o propósito de qualquer coisa que você faz é minimizar a aparência da cicatriz, não eliminá-la.

 

  1. Siga as instruções de cuidados. Logo após a cirurgia, comece a seguir as instruções de cuidados de incisão que lhe damos. Instruções sobre higiene e tratamento de feridas ajudarão suas incisões a se curarem de maneira correta e rápida.
  2. Monitore a infecção. Se você suspeitar que sua incisão está infectada a qualquer momento, avise-nos imediatamente. Incisões infectadas podem levar a cicatrizes mais proeminentes.
  3. Inicie os tratamentos tópicos no momento certo. Uma vez que a incisão não é mais coberta por crostas (não as pegue!) E totalmente fechada, você pode começar com tratamentos tópicos. A opção mais fácil é aplicar um produto contendo silicone, na forma de um gel, creme ou lençol. O silicone replica as propriedades de oclusão do estrato córneo (a camada externa da pele) para que a hidratação do tecido cicatricial seja normalizada e, possivelmente, o excesso de produção de colágeno seja interrompido.
    Outros produtos tópicos que você pode usar são vitamina E e cremes de manteiga de cacau, embora estes não tenham sido cientificamente comprovados como eficazes. Eles provavelmente mais para manter a cicatriz hidratada, ao invés de agir como um tratamento.
  4. Mantenha a pele bem hidratada. Você pode começar a aplicar hidratantes diretamente em suas cicatrizes somente após as incisões terem sido fechadas. Fazer isso de antemão pode impedir que as incisões fechem corretamente e aumente o risco de infecção.
  5. Não bronzear suas cicatrizes. A exposição aos raios UV pode tornar as suas cicatrizes mais escuras e espessas, por isso certifique-se de as cobrir do sol em todos os momentos. É melhor fazer isso com roupas do que com protetor solar.
  6. Evite produtos irritantes e roupas. Qualquer irritação de uma cicatriz tornará isso pior. Use apenas produtos que sejam suaves para a sua pele.

 

Converse com o seu cirurgião plástico sobre os cuidados para realizar uma boa cirurgia de abdominoplastia e quais as melhores maneiras para uma boa cicatrização.

Clínica de Abdominoplastia em São Paulo.

 

Preenchimento Labial – Mitos e Verdades por Dr. Marco Cassol

Preenchimento Labial – Mitos e Verdades por Dr. Marco Cassol

O Carnaval está chegando e, junto do feriado, a preocupação com o visual e com a estética. Quem sonha com lábios volumosos encontra no preenchimento labial uma boa alternativa, sem contar que ainda dá tempo de fazer o procedimento minimamente invasivo para arrasar na folia! Para desmitificar o preenchimento labial, o médico e cirurgião plástico, Dr. Marco Cassol responde algumas questões sobre o assunto:

É verdade que o preenchimento labial dura para sempre?

Mito. Há diversos ativos preenchedores que permitem uma boa integração entre os tecidos e um resultado natural, mas o mais utilizado é o ácido hialurônico, que é temporário. Nesse caso, como a duração aproximada é de 12 meses, é preciso uma manutenção periódica para que os lábios continuem volumosos.

O procedimento labial dói?

Mito. Na verdade, a dor varia para cada pessoa, é algo muito subjetivo. Hoje, o produto vem misturado a anestésico para minimizar o desconforto e o procedimento é bem rápido.

Botox (toxina botulínica) e preenchimento labial são a mesma coisa?

Mito. São dois procedimentos indicados para resultados diferentes. A toxina botulínica atua relaxando os músculos e é indicada para tratamentos de rejuvenescimento, preenchendo as rugas e linhas finas. Já o preenchimento, age na pele dando volume.

O preenchimento labial pode ser aplicado em qualquer tipo de pele?

Verdade. O ácido hialurônico pode ser aplicado em qualquer tipo de pele. Em relação à substância usada, ela é parecida com a que já existe em nosso organismo, minimizando riscos de rejeições e irritações. 

O resultado demora para aparecer?

Mito. Os resultados aparecem logo após a aplicação. Pacientes mais sensíveis podem apresentar inchaço ou vermelhidão local, mas é passageiro. Após três semanas, o produto se acomoda na região e o resultado final aparece.

Existem contraindicações para o preenchimento labial?

Verdade. A segurança do paciente vem sempre em primeiro lugar! Por isso, o procedimento, mesmo sendo minimamente invasivo, deve ser realizado por um profissional habilitado, como o cirurgião plástico. As contraindicações são em casos de gravidez e amamentação.

O doutor Cassol também explica que os cosméticos que prometem aumentar os lábios temporariamente, como cremes labiais, balms, bálsamos ou unguentos, possuem agentes que “irritam” a mucosa dos lábios, causando inchaço. “Pacientes alérgicos aos componentes irritantes da fórmula não devem usar este tipo de produto, pois eles podem ter absorção rápida, no caso dos mais hidrofílicos, ou ter longa duração, nos mais oleosos”, alerta.

O médico acrescenta que “a cirurgia plástica, quando bem indicada e realizada, fica natural e harmônica. No entanto, o grande perigo é a obsessão que muitas pessoas têm pela busca do corpo perfeito, que acaba trazendo um resultado artificial para a aparência”. 

Dr. Marco Cassolcirurgião plástico especialista em face feminina – membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) com mais de 15 anos de experiência. É formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRG) e conta com especializações em cirurgia para a redução de mamas, criolipólise, microlipoaspiração, cirurgia íntima, entre outras.

Tratamento de Beleza Feitos no Verão

Tratamento de Beleza Feitos no Verão

 

O segredo é só não fazer aqueles que agem na camada mais superficial da pele, a epiderme. Para queimar as gordurinhas, a criolipólise pode ser feita. Mesmo com os procedimentos liberados, a recomendação dos especialistas é sempre usar muito filtro solar e evitar os horários de sol mais forte.

Ouça a entrevista que o Dr. Marco Cassol cedeu a rádio CBN falando dos possíveis tratamentos realizados no verão.

Fonte: Rádio CBN 

Cirurgia Plástica mal sucedida – Entrevista Dr. Marco Cassol

Cirurgia Plástica mal sucedida – Entrevista Dr. Marco Cassol

 

O Brasil é o segundo país onde mais se realizam cirurgias plásticas, perdendo apenas para os Estados Unidos. Mas a imposição do ideal de um corpo perfeito aliada às facilidades de realizar esse tipo de procedimento são também responsáveis pelas frequentes mortes de mulheres vítimas de operações malsucedidas. Mas o que leva as brasileiras a arriscarem suas vidas em troca de seios ou nádegas, por exemplo?

Casos de brasileiras que morreram vítimas de cirurgias plásticas malsucedidas ocupam as páginas dos jornais todas as semanas. Na maioria desses tristes episódios, as histórias se repetem: as pacientes confiaram em procedimentos inadequados e médicos desqualificados e pagaram com suas vidas o sonho do corpo perfeito.

A ditadura da beleza no Brasil é um fenômeno que penaliza, mas que também banaliza. É o que avalia o sociólogo especialista em Saúde Pública, Francisco Romão Ferreira, professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Segundo ele, “há uma preocupação excessiva com o corpo. Não só em termos de cirurgias plásticas, mas a quantidade de academias, salões de beleza e de farmácias no Brasil é algo gritante quando você compara com outros países”.

A necessidade de exibir um corpo perfeito e jovem acabou também por banalizar operações estéticas, como implantes de silicone, lipoaspirações, lifts faciais – frequentemente apresentados por clínicas como procedimentos simples, facilitados por pagamentos parcelados ou até consórcios por operadoras de crédito.

O sociólogo Francisco Romão Ferreira avalia que diversos fatores contribuem para este fenômeno no Brasil, um país com uma grande extensão litorânea, onde a maioria das capitais estão próximas da costa, onde faz calor em boa parte do ano e a cultura da praia é muito intensa. Além disso, o corpo, muitas vezes, é o principal bem dos brasileiros. Ele destaca que num país com uma desigualdade social muito grande, “o físico é um capital para a ascensão social. Quando acesso ao ensino e à educação são bloqueados, o corpo vira uma possibilidade de evoluir socialmente”.

Mas para o sociólogo não há dúvidas que a busca desenfreada da estética não é um fenômeno que diz respeito apenas a determinadas classes, mas é constatada entre pobres e ricos. As classes mais abastadas se engajam em fenômenos da moda, como a recente febre do crossfit ou das corridas, que, por trás de atividades físicas, desenvolvem novos mercados, serviços e produtos imperativamente a serem adquiridos.

De acordo com dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética, 86,2% das cirurgias plásticas no mundo são realizadas por mulheres. O aumento de seios continua sendo a cirurgia plástica mais realizada (15,8%) entre os 2 milhões e 500 mil procedimentos por ano, seguidos da lipoaspiração (14%) e da cirurgia de pálpebra (12,9%).

Fonte: cartacapital.com.br

 

Entrevista com o médico Marco Cassol. Ele é cirurgião plástico especialista em face feminina. Confira:

Tamanhos de Silicone – [150ml, 200ml, 300ml ou 400ml] Qual Escolher?

Tamanhos de Silicone – [150ml, 200ml, 300ml ou 400ml] Qual Escolher?

Se você está procurando um tamanho ideal de próteses de silicone, e gostaria de saber mais sobre cada volume e a aparência, este vídeo e conteúdo é para você. 

 

 

Escolhendo o tamanho da prótese de silicone

Antes de qualquer coisa, você precisar saber que na hora da escolha do tamanho ideal da sua prótese de silicone, o cirurgião irá analisar a sua estrutura corporal, o biótipo, a altura, a distância entre tronco e o quadril, a proporção do tórax, a estrutura óssea e a formação original da mama.

Portanto, somente mediante a uma consulta com o cirurgião plástico especializado em prótese de silicone é que você poderá ter a certeza de que o tamanho da sua prótese desejada, será realmente qualificada para o seu corpo. 

Qual é o melhor tamanho de prótese de silicone?

 

O melhor tamanho de protese de silicone será aquele que melhor se harmonizará com o seu corpo, deixando um aspecto natural no resultado. Tomando todos os cuidado para não ultrapassar os limites do seu corpo, respeitando a estética, sem exagero e artificialidade.

Os tamanhos da Prótese e para quem servem:

 

Descubra abaixo em quais dos tamanhos de prótese de silicone você se enquadra com os perfis relacionados ao tamanho das próteses, entenda que não existe uma regra para o tamanho e o perfil da paciente. De qualquer forma, o cirurgião plástico quem irá definir junto com a paciente qual é o melhor tamanho. 

 

Prótese de Silicone 150 ml

Se você está querendo colocar prótese de silicone 150 ml saiba que normalmente são usadas por mulheres que não querem aumentar muito o volume dos seios, quer apenas dar uma preenchida na mama, mas não tem intenção de aumento da mama, geralmente são realizadas com prótese de poliuretano.

Prótese de Silicone 250 ml

Já as próteses de 250 ml são consideradas prótese média, é muito utilizada por pacientes que geralmente realizam outras cirurgia, como por exemplo a bariátrica, que possuíam uma mama média, mas que por bastante flacidez, ela deseja montar a mama. Porém também podem ser utilizadas em pacientes querem um resultado bem natural, mas que sejam bem magrinha, com pouco mama e com pouco tecido mamário, mas que querem um resultado bem natural.

Prótese de Silicone 300 ml 

No caso da Prótese de 300 ml, é considerada a prótese mais usada, pode se dizer que é uma prótese grande, não é pequena, é uma prótese que se usa em pacientes jovens, pacientes que querem ter uma projeção da mama,  o aumento do polo superior, em pacientes geralmente quando ficam com medo de “qual tamanho” irá usar após a cirurgia, é aconselhado colocar 300 ml ou um pouquinho mais do que 300 ml.

Prótese de Silicone 400 ml 

As prótese de 400 ml é uma prótese bem grande, não é um tamanho usual, normalmente o cirurgião orienta bem a paciente, principalmente quando possuem flacidez na mama, pois as chances da mama cair são bem grande, as próteses de 400 ml possuem uma base um pouco maior, em pacientes que possuem o tórax muito pequeno, a paciente poderá ficar com um visual um pouco gordinho. Precisam ser usadas as próteses com o perfil super alto estendido.

 

Qual é a melhor marca de Prótese de Silicone?

Existem inúmeras marcas de próteses de silicone no mercado , como Silimed, Mentor, Eurosilicone, McGhan, Perthese , PIP. Durante sua consulta de avaliação, o cirurgião irá demonstrar alguns modelos de próteses disponíveis. Para saber mais sobre os diversos tipos de protese de silicone, visite o site dos fabricantes nos sites abaixo :

 

 

Agende agora uma avaliação para descobrir o seu tamanho de prótese ideal.

 

cirurgião plástico mamoplastia sp

Atendimento da Clinica Dr. Marco Cassol

 

Tipos de Prótese de Silicone – Do Tradicional ao de Chip

 

 

1
Olá!
Você quer realizar alguma cirurgia e gostaria de tirar alguma dúvida?
Powered by