PEELING FACIAL: CONHEÇA OS BENEFÍCIOS E CUIDADOS

Com o passar dos anos, as mulheres passam a ter um desejo: retardar o envelhecimento da pele e manter os traços da juventude.

Por esse motivo, elas fazem tratamentos estéticos e utilizam cosméticos para reverter o processo. Um dos métodos mais famosos para cuidar da aparência do rosto é o peeling facial.

“Dependendo do nível de intensidade do tratamento, ele consegue reverter quadros de manchas, perda de elasticidade e envelhecimento precoce. O estimulo na pele aumenta a produção de colágeno e elastina, deixando a pele mais lisinha e fresca”, explica Marco Cassol, cirurgião plástico especializado em face feminina e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Ao contrário do que se imagina, a função do procedimento não é apenas remover as células mortas da camada superficial da pele. O peeling sensibiliza a epiderme para conseguir estimular a derme, que é a camada mais profunda da pele e que será responsável por reais mudanças na face.

peeling facial
Tratamento de peeling facial

O tratamento pode ser realizado por qualquer pessoa e não há contraindicações. No entanto, é importante conversar com o profissional porque alguns produtos usados em determinados tipos de peeling possuem restrições.

“Ao resolver fazer um peeling, a paciente precisa dizer para o médico quais são as suas reais expectativas e o que ela deseja corrigir. Isso será fundamental para que o profissional possa determinar o melhor tipo de peeling”, orienta o cirurgião.

PEELING FACIAL – TEMPO DE DURAÇÃO

Na maioria dos casos, recomenda-se que a pessoa faça três sessões. Cada uma delas acontece uma vez por mês, porque o peeling perde efeito após 21 dias. “Nos primeiros três dias após o procedimento, a pele costuma ficar inchada e vermelha. Ela também pode ficar um pouco irritada e com coceira na região. Algumas vezes, a pele pode ficar com casquinhas, como se fossem pequenas feridas”, afirma Marco.

De acordo com o cirurgião, é um mito acreditar que não é ideal fazer o peeling no verão. Ele pode ser feito em qualquer estação. Só será necessário que a paciente siga as orientações corretamente. Dentre elas está o uso de filtro solar e a não exposição ao sol. O preço médio do tratamento por sessão varia entre R$ 500 e R$ 1.500.

TIPOS DE PEELING FACIAL

Atualmente, existem três tipos de peeling facial. Eles podem ser feitos por meio de ácidos, a laser ou lixamento da pele.

“O tratamento feito à base de ácidos costuma ser mais agressivo. Em alguns casos, o paciente precisa ser anestesiado durante o procedimento. Na maioria dos casos, o paciente costuma complementar o tratamento com a utilização de determinados cremes em casa”, conta o cirurgião.

O peeling a laser mais famoso atualmente é de CO2 fracionado. “O laser é um dos tipos de peeling mais seguros porque podemos controlar diversas variáveis e evitar qualquer tipo de complicação”, afirma Marco.

Já o peeling de lixamento da pele tem o objetivo de lixar as células das camadas superficiais e médias da pele. Por isso, ele é indicado para pessoas que têm a pele muito grossa ou que sofreu muito ao longo do tempo.

Fonte: Dicas Cidade – Moda e Beleza

Compartilhe :

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram

Tire suas dúvidas ou agende uma consulta com
Dr. Marco Cassol

Dr. Marco Cassol

Dr. Marco Cassol

Formado em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), especialista em Cirurgia Geral e em Cirurgia Plástica, tem mais de 15 anos de vivência na profissão. Após sua formação, desde 2006. CRM-SP 122955 / RQE 24987

Artigos relacionados